Um gesto simples que pode levar alegria pra muita gente

Um gesto simples que pode levar alegria pra muita gente. Dezenas de pessoas se reuniram no Hospital Waldemar de Alcântara, em Messejana, para doar cabelos a pacientes em tratamento contra o câncer na última segunda-feira (21).

A ação fez parte do projeto “Um pedacinho de amor não dói”, criado há um ano e 5 meses para arrecadar cabelo para a confecção de perucas. Nesse período, 20 perucas foram produzidas e doadas. A jovem cearense Marília Karen, de 15 anos, foi a responsável pelo sucesso do projeto.

“Eu sempre visitei hospitais de pessoas com câncer e em um visita, que ficou marcada até hoje, eu me deparei com uma cena onde duas adolescentes brincavam com um lenço na cabeça como se fossem cabelo de verdade. E como eu tinha um cabelo enorme, eu fiquei impressionada com aquilo e falei pra minha mãe que eu queria ajudar doando cabelo. Então, ela pediu pra eu falar com algumas amigas para ver se conseguíamos doar uma peruca”, explica Marília Karen, fundadora do projeto.

Crianças, jovens e adultos se solidarizaram com a causa e doaram uma pequena parte de si para ajudar as pessoas que sofrem com a perda de cabelo devido à quimioterapia.

A agente financeira Camila Vale ficou sabendo do projeto pela internet e, mesmo adorando ter cabelo grande, tomou a decisão de ajudar. “O cabelo é o cartão postal da mulher e devido ao procedimento do câncer, as pacientes perdem isso. Com certeza as carequinhas vão ficar muito felizes. Estou fazendo uma doação de todo o meu coração pra elas”, afirmou.

Segundo a diretora do hospital, Fernanda Netto, o resultado foi excelente. Entre 10h e 16h, mais de 130 pessoas se apresentaram para fazer as doações, que eram de pelo menos 15 centímetros de cabelo. Ainda de acordo com a diretora, até pessoas de outras cidades ficaram sensibilizadas. O hospital recebeu uma doação vinda desde Viçosa, no interior do Estado.

A ação contou com 8 cabeleireiros, incluindo 2 profissionais que passavam pelo local e se voluntariaram para ajudar enquanto os cortes já estavam acontecendo.

E as doações não param por aqui. Quem quiser doar cabelo, basta entrar em contato com as organizadoras do projeto através do grupo no Facebook “Um pedacinho de amor não dói”. Instituições também podem fazer ações como esta, como a do hospital Waldemar de Alcântara.

Notícias Relacionadas

Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *




© 2015 CN CARIRI - Todos os direitos reservados.
Projetado por: Onsize Desenvolvimento de Sistemas Ltda