Doméstica foi resgatada após escrever um bilhete de ”socorro” em um papel de cigarro

Doméstica foi resgatada após escrever um bilhete de ”socorro” em um papel de cigarro

“Se for preciso chamar a polícia 500 vezes, eu vou chamar, mas ninguém mais vai me massacrar”. A declaração é da doméstica resgatada em Araripe, no interior do Ceará, após ser mantida em cárcere privado pelo próprio companheiro. Ela conseguiu escapar depois de escrever um bilhete pedindo socorro, em um pedaço de papel rasgado de

“Se for preciso chamar a polícia 500 vezes, eu vou chamar, mas ninguém mais vai me massacrar”. A declaração é da doméstica resgatada em Araripe, no interior do Ceará, após ser mantida em cárcere privado pelo próprio companheiro. Ela conseguiu escapar depois de escrever um bilhete pedindo socorro, em um pedaço de papel rasgado de uma carteira de cigarro. O companheiro dela foi preso após uma abordagem da polícia. A mulher estava sendo mantida presa, na última sexta-feira (16), contra a própria vontade em uma creche, onde o companheiro dela trabalhava como vigia. Em determinado momento, ela conseguiu rasgar um pedaço de papel, pegou o lápis de um pedreiro e escreveu “polícia por favor urgente”. A vítima notou que uma criança que brincava de bicicleta no local encontrou o bilhete e pediu: “entrega para um adulto”.

Fontes g1.com

Juca
Juca
ADMINISTRATOR
PROFILE

Posts Carousel

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios são marcados com *

ÚLTIMAS POSTAGENS

COLUNISTAS

COMENTADO

VÍDEOS EM DESTAQUE