Envolvido no furto milionário é preso por tráfico em Boa Viagem

Considerado um dos principais protagonistas do maior furto bancário já registrado no Brasil, o caso do ataque ao Banco Central, em Fortaleza, em agosto em 2005, o cearense Raimundo Laurindo Barbosa Neto foi preso mais uma vez. Desta vez, acusado de tráfico de drogas.

A captura aconteceu na manhã desta terça-feira (18) na terra natal do acusado, a cidade de Boa Viagem (a 217Km de Fortaleza). O ladrão de bancos e traficante foi apanhado durante uma operação de rotina realizada por uma patrulha do Comando Tático Rural (Cotar), tropa especializada no combate ao crime no sertão e que pertence ao Batalhão de Polícia de Choque (BPChoque).

No momento da abordagem, “Neto Laurindo”, como é conhecido, estava desarmado e não portava drogas, mas logo os policiais verificaram que contra ele existia um mandado de prisão em aberto. Acusação: associação para  o tráfico e tráfico de entorpecentes. Laurindo logo confessou quem era e foi encaminhado à Delegacia da Polícia Civil de Boa Viagem.

No entanto, por medida de segurança, a cúpula da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) decidiu que ele deveria ser imediatamente trazido para Fortaleza.  Por pertencer a uma organização criminosa, o suspeito poderia ser resgatado daquela cidade. “Neto Laurindo” já está em Fortaleza.

Notícias Relacionadas

Os comentários estão fechados




© 2015 CN CARIRI - Todos os direitos reservados.
Projetado por: Onsize Desenvolvimento de Sistemas Ltda