Detento é assassinado quando saía do pernoite na Cadeia Pública de Barbalha

Por: Josélio Araújo

O preso da justiça e detento da Cadeia Pública de Barbalha, Jean Alves da Silva, 31 anos, que residia na Rua Antonio Candido, 93, Bairro Alto do Rosário, em Barbalha,CE, morreu por volta das 08h30min desta quinta-feira, 22, no Hospital São Vicente de Paulo vitima de disparos de arma de fogo.

Ele foi alvo de quatro tiros por volta das 5 horas da manhã, próximo à rotatória da subestação da antiga Coelce, logo após ter saído do pernoite da cadeia pública onde cumpria pena por tráfico de drogas no regime semiaberto. Os autores teriam sido dois homens que em seguida fugiram em moto.

Uma das primeiras prisões de Jean ocorreu no dia 21 de março de 2013, quando a polícia cumprindo mandado judicial o encontrou em sua casa com 300 gramas de crack. No dia 11 de maio de 2015 voltou a ser preso e a polícia encontrou na sua casa uma pequena porção de maconha, além de sementes da erva. No dia 16 de setembro de 2017 voltou à prisão, novamente com drogas. Este foi o terceiro homicídio do mês de fevereiro e o oitavo de 2018 em Barbalha, o que corresponde  38% em relação aos 21 homicídios registrados no município durante o ano de 2017.

Notícias Relacionadas

Os comentários estão fechados






© 2015 CN CARIRI - Todos os direitos reservados.
Projetado por: Onsize Desenvolvimento de Sistemas Ltda