Flamengo vence Barranquilla e está na final Sul-Americana

O Flamengo está garantido na grande final da Conmebol Sul-Americana. Na noite desta quinta-feira (30 de novembro), o Rubro-Negro conseguiu uma vitória por 2 a 0 em cima do Junior Barranquilla, fora de casa, e conseguiu a classificação.

O adversário será o Independiente, que eliminou o Libertad na outra semifinal. O Mengão se tornou o 7° clube brasileiro na história a chegar a uma final de Sul-Americana.

Determinação em busca do objetivo traçado. Dedicação e união para fazer com que a engrenagem funcione. Talento no momento decisivo. Com a combinação desses atributos, o Mais Querido venceu o Junior Barranquilla fora de casa por 1 a 0 e garantiu a vaga na final da Conmebol Sul-Americana. Felipe Vizeu foi o autor do gol da classificação rubro-negra, finalizando com precisão após linda arrancada pela esquerda.

A etapa inicial foi marcada pelo equilíbrio. Dentro de casa e tendo em vista o resultado negativo na primeira partida, o time colombiano pressionou em busca do primeiro gol durante os 15 minutos iniciais. De volta aos gramados vestindo o Manto Sagrado, o goleiro César realizou uma intervenção providencial em falta cobrança de falta ensaiada. Chará rolou para Mier, que soltou a bomba da entrada da área e, com muita gente na frente, o camisa 24 espalmou para o lado, afastando o perigo.

Uma grande performance do setor defensivo impediu que o adversário conseguisse marcar, o que trouxe maior tranquilidade para o restante da equipe. Colocando a bola no chão e trocando mais passes, as oportunidades passaram a surgir para o Rubro-Negro, tendo na principal chance o chute de Vizeu após cruzamento preciso de Paquetá.

Se o placar permaneceu igual no primeiro tempo, a história foi outra nos 45 minutos finais. Logo aos 5 minutos da etapa final, Vizeu tabelou com Trauco pelo lado esquerdo e com muito espaço à frente, usou sua velocidade para bater a marcação colombiana. Na cara do goleiro, demonstrou a categoria de um veterano e finalizou com perfeição. 1 a 0 para o Flamengo.

O destino ainda guardaria dois outros grandes momentos…

Em um lance confuso na área rubro-negra, o árbitro apontou a marca da cal e marcou pênalti de Willian Arão em Barrera. Destaque da equipe adversária, o atacante Chará fez a cobrança. No entanto, não contava com a participação de César. O goleiro esperou até o último segundo e foi na bola para impedir o empate do time colombiano. Gigante!

Ainda daria tempo para o gol que viria a selar de vez a classificação. Em uma falta rápida pelo lado direito, Diego tocou para Rodinei, que arrancou, deixou a marcação para trás e cruzou para Vizeu. O predestinado centroavante deixou sua marca mais uma vez e correu para o abraço.

Classificação garantida com uma vitória heróica.

Na decisão, o Flamengo enfrentará a equipe do Independiente. A primeira partida será disputada em Avellaneda, localizada na grande Buenos Aires, no dia 6 de dezembro. O confronto decisivo ocorrerá em domínios rubro-negros, no Maracanã, no dia 13 de dezembro. Com o apoio da Maior Torcida do Mundo, iremos juntos em busca do título.

Assessoria

Notícias Relacionadas

Os comentários estão fechados






© 2015 CN CARIRI - Todos os direitos reservados.
Projetado por: Onsize Desenvolvimento de Sistemas Ltda