Vereador de Jardim e policial Junior Sedrim é posto em liberdade

O vereador Junior Sedrim concedeu hoje uma entrevista exclusiva no Jornal da Jardim FM com a apresentação do Radialista Aldemir Inácio, a entrevista contou com a presença do ex-prefeito e médico Dr.Fernando Luz onde foi relatado todo acontecimento.

Em nota à imprensa, a advogada Dra. Amanda Luz, informa que na última quarta-feira (1º de novembro de 2017) o vereador e policial civil Junior Sedrim (policial Renato) foi posto em liberdade. Conforme declara a advogada, após decisão justa e acertada do Juiz Substituto, respondendo pela Comarca de Missão Velha/CE, Dr. Diogo Altorbelli, a prisão preventiva em desfavor de seu cliente Junior Sedrim foi revogada sob o fundamento, em resumo, de que não estariam mais presentes as circunstâncias que a embasava.

Ainda em nota, a advogada esclarece que o pedido de Revogação de Prisão Preventiva ajuizado no dia 26.10.2017, demonstrou, após análise minuciosa das quase 600 páginas constantes na Ação Penal, que não existiam contra seu cliente, sequer, indícios de que teria ele participado do assalto ao Banco de Missão Velha – CE.

A advogada reitera que seu cliente é pessoa séria, íntegra e solidária aos menos favorecidos.

Junior Sedrim, declara a advogada, possui um histórico de louvor no combate ao crime com inúmeros relatos de extrema coragem e lealdade e jamais se envolveria em tamanha façanha.

Ademais, Dra. Amanda Luz lamentou o desgaste da imagem de seu cliente, vítima de um pré-julgamento desfavorável.

A advogada reconheceu a velocidade da comunicação com as ferramentas das mídias sociais, porém enalteceu o trabalho ético dos profissionais da imprensa que foram bastante atenciosos em ouvir e divulgar as versões das partes envolvidas.

Dra. Amanda Luz  externa ainda que tanto ela como seu cliente continuarão acreditando no trabalho sério realizado pela Imprensa, Polícia, Ministério Púbico e Judiciário.

Por fim, a causídica cita que sendo a JUSTIÇA a base da sociedade, tomarão todas as medidas LEGAIS para, ao final, conseguirem a absolvição de seu cliente.

Notícias Relacionadas

Os comentários estão fechados






© 2015 CN CARIRI - Todos os direitos reservados.
Projetado por: Onsize Desenvolvimento de Sistemas Ltda