iPhone 8 chega ao Brasil

O iPhone 8 chega ao Brasil pelo preço sugerido de R$ 3.999. Na madrugada desta sexta-feira (27), lojas que vendem celulares da Apple finalmente revelaram os valores dos produtos da geração 2017: além do modelo mais básico, está confirmado o preço a partir de R$ 4.599 pelo iPhone 8 Plus, smartphone com tela maior. Os telefones chegam às lojas tradicionais e às mãos de consumidores em 3 de novembro, próxima sexta-feira.

A fabricante não informou quanto custa o iPhone X, edição mais cobiçada dentre os lançamentos deste ano. A expectativa é de que fique na casa dos R$ 6 mil.

O iPhone 8 chega ao Brasil pelo preço sugerido de R$ 3.999. Na madrugada desta sexta-feira (27), lojas que vendem celulares da Apple finalmente revelaram os valores dos produtos da geração 2017: além do modelo mais básico, está confirmado o preço a partir de R$ 4.599 pelo iPhone 8 Plus, smartphone com tela maior. Os telefones chegam às lojas tradicionais e às mãos de consumidores em 3 de novembro, próxima sexta-feira.

A fabricante não informou quanto custa o iPhone X, edição mais cobiçada dentre os lançamentos deste ano. A expectativa é de que fique na casa dos R$ 6 mil.

A empresa liderada por Tim Cook vem enfretando ceticismo e vendas mornas do iPhone 8 e do iPhone 8 Plus. Em parte, isso se deve à ausência de funções realmente inovadoras. Alguns analistas de mercado creem que os consumidores esperam pelo iPhone X, edição futurística do telefone com direito à tela que ocupa praticamente toda a fronte do dispositivo. O modelo chega às lojas dos Estados Unidos em 3 de novembro, e ainda deve demorar para desembarcar no Brasil.

Os iPhones 8 e 8 Plus empregam o processador A11 Bionic, desenvolvido pela própria Apple. Ele tem seis núcleos e alcança velocidades até 70% maiores do que as vistas na geração anterior, do iPhone 7. Todos contam com resistência à água, recarga sem fio e materiais reforçados. O iOS 11, tão criticado quando chegou para produtos anteriores em forma de atualização, tem lugar cativo nos smartphones.

A Apple optou por vender os lançamentos do ano com duas opções de armazenamento: 64 GB ou 256 GB. Desta vez os consumidores que preferiam a memória interna que ficava no meio da caminho, com 128 GB, ficaram na mão. Como de costume, os iPhones não têm compatibilidade com dual chip e não aceitam cartão de memória microSD.

Notícias Relacionadas

Os comentários estão fechados






© 2015 CN CARIRI - Todos os direitos reservados.
Projetado por: Onsize Desenvolvimento de Sistemas Ltda